Como boa filósofa, sou uma ótima roqueira. Talvez por ter nascido no dia em que começou o Woodstock, a energia da música invadiu minha alma desde cedo. Ao longo de minha existência existe uma playlist com os melhores momentos, os piores e o lado B de minha vida. Pensando em juntar a filosofia e a música surgiu a inspiração para realização de encontros de apreciação musical e reflexões. Costurando a mensagem das letras com o contexto histórico cultural, revisitando as origens do blues, rock, as músicas de protesto, os movimentos políticos e sociais que impulsionaram revoluções em nosso planeta e corações.

Encontramos na Música e na Filosofia reflexões sobre a felicidade, o prazer, a alegria, a desilusão, o desamor, a saudade, o esporro e o drama. Buscamos em ambas o consolo para os momentos mais difíceis e/ou a vibração intensa da paixão e amor. A música pode curar a alma e a filosofia também. Não precisamos escolher entre uma ou outra e sim uni-las para apreciar a sabedoria que ali se encontra.

Os encontros serão divididos em temas e o primeiro será sobre “As origens”, a importância e influência dos negros para a criação do blues. Ao som de clássicos faremos a apreciação de temas como a dores da alma, o desamor, a saudade a esperança e o amor. Entre os artistas que ouviremos estão Robert Johnson, B.B. King, Buddy Guy. No primeiro encontro assistiremos o documentário “Feel like going Home” de Martin Scorsese.

Venham ouvir, refletir e compartilhar de momentos inspiradores conosco, os convites são limitados e podem ser adquiridos antecipadamente. Os aperitivos serão fornecidos por nossa equipe, as bebidas serão vendidas.

Regina Proença é filosofa, apreciadora de música e boas conversas.

Dia 20/09 – Sexta – 20:00
Convites – R$ 50,00
Inscreva-se inbox.
Local: Fora da Caixa – Coletivo Cultural
Rua Riachuelo, 437 – Vergueiro – Sorocaba

Comentários Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *